Palmeiras na Libertadores – Performances anteriores

O Palmeiras buscará na final contra o Flamengo se sagrar campeão da Copa Libertadores pela terceira vez, torneio que conseguiu vencer em 2020, para aumentar o seu arsenal cada vez maior de títulos internacionais e continentais. Infelizmente para os palmeirenses, o verdão não aproveitou nenhuma das duas chances que teve para consagrar-se campeão mundial, e 2021 tem tudo para ser o ano em que isso chegará para o clube alviverde! Quer saber quantas libertadores o Palmeiras tem? Contamos aqui também.

A última consagração do Palmeiras na Libertadores data de 2020, ano passado, e antes em 1999, a primeira coroa que possui na competição, conquistada na época de maior sucesso do clube em torneios continentais, quando era dirigido por Luiz Felipe Scolari.

No total, o Verdão tem três títulos oficiais da Conmebol: a já citada Libertadores em 1999 e de 2020, e a extinta Copa do Mercosul em 1998. Também é creditada a Taça Rio, disputa que foi disputada entre 1951 e 1953 na cidade do Rio de Janeiro pela América do Sul. e clubes europeus, e em que o Palmeiras venceu a primeira edição.

Títulos Internacionais do Palmeiras

O Palmeiras chegou à sua primeira final da Copa Libertadores em sua primeira participação, em 1961. Depois de eliminar o Independiente de Avellaneda nas quartas de final e o Independiente Santa Fe nas semifinais, caiu na definição contra o Peñarol, que foi consagrado no Estádio do Pacaembú após ter venceu por 1 a 0 em Montevidéu e empatou por 1 a 1 em São Paulo, no antigo Palestra Itália, atual Allianz Parque. Marcos, goleiro e uma das grandes figuras do Palmeiras que se fortaleceu internacionalmente com o Palmeiras na Libertadores.

Em 1968 voltou à final, momento em que voltou a ficar de mãos a abanar, já que foi derrotado pelo Estudiantes de La Plata, equipa comandada por Osvaldo Zubeldía, que também precisou de três jogos para se consagrar: depois de ambos terem vencido em casa., o time argentino venceu no Estádio Centenário sobre o Palmeiras na Libertadores.

O Palmeiras demorou 30 anos para voltar a disputar uma final continental. Com Felipão Scolari na liderança técnica, chegou à definição da Copa do Mercosul de 1998 invicto (nove vitórias e um empate) e na final venceu o Cruzeiro, contra o qual precisava fazer o terceiro desempate.

palmeiras-logo

Libertadores de 1999 – O primeiro grande passo do verdão

Seu segundo título internacional viria em breve, no ano seguinte. Em 1999 conquistou seu único título na Libertadores, na qual, após eliminar o River Plate nas semifinais, derrotou o Deportivo Cali. Na revanche, disputada no Parque Antártico, o pênalti foi atingido.

Foram quase 10 minutos para o Palmeiras na Libertadores, já que o tempo nunca passou tão devagar como naquela disputa de pênaltis.

Na final da Copa Intercontinental, também conhecido como Mundial, desse mesmo ano, enfrentou o Manchester United, no Estádio Olímpico de Tóquio, onde perdeu por 1 a 0 com gol do irlandês Roy Keane.

Da mesma forma, caiu na final da Libertadores do ano seguinte, contra o Boca Juniors, com quem empatou por 2 a 2 em La Bombonera e a 0 a 0 em San Pablo. Essa foi a última partida decisiva que o Palmeiras alcançou até que na edição da Copa 2020, ele novamente se viu com a oportunidade de conquistar seu terceiro título internacional.

Libertadores de 2020 conquistada

Uma final alucinante entre Palmeiras e Santos foi disputada em território neutro, porém, nacional – o Maracanã, que fica no Rio de Janeiro enquanto ambas equipes eram de São Paulo. O gol da vitória de 1 a 0 sobre o peixe aconteceu no momento menos provável de todos, sendo de longe o gol marcado mais tarde em uma final de Libertadores de toda a história.

Sim! Isso porque o gol de Breno Lopes aconteceu simplesmente aos 53 minutos do segundo tempo, quando a partida já completava quase 9 minutos de acréscimo e a prorrogação já estava praticamente concretizada na cabeça de todos os jogadores, técnicos e torcedores. O gol inesperado levou a torcida alviverde à loucura no Maracanã, explodindo em alegria e já saindo para comemorar o título e não apenas o gol.

Pronto! O Palmeiras finalmente tinha a chance novamente de disputar o Mundial de Clubes da FIFA – também conhecido como Copa Intercontinental – e provar para o mundo que era capaz de ser o maior time da história em 2020. O Palmeiras na Libertadores já estava garantido, agora era a vez do mundial. Então, quantas Libertadores o Palmeiras tem até agora? Duas, é claro.

A Frustração do Mundial que não veio

É verdade que tudo estava focado na segunda partida do Mundial, que teria muito provavelmente o Bayern de Munique – campeão de 2020 da UEFA Champions League – como adversário do verdão. A primeira fase parecia tranquila: o Palmeiras pegaria o Tigres, time mexicano, enquanto o Bayern de Munique jogaria contra o Al Ahly Sport Club, um time da cidade de Cairo, no Egito.

Mas o pior aconteceu na partida contra o Tigres, de maneira completamente inesperada e sendo um verdadeiro banho de água fria para o elenco e para os torcedores alviverdes. Ninguém esperava perder para o Tigres logo na primeira partida do campeonato, ainda mais com um gol de pênalti, numa derrota magra por apenas 1 a 0.

Restava ao Palmeiras vencer a frustração momentânea e ir atrás do terceiro lugar na competição, ao jogar contra o Al Ahly a disputa pela colocação. Acontece que o time estava completamente abatido, jogadores desesperançados, o que resultou num empate sofrido em 0 a 0 e numa vitória inesperada do time egípcio nos pênaltis, depois de uma prorrogação igualmente empatada. Nada a ver com o Palmeiras na Libertadores daquele ano.

Palmeiras na Libertadores 2021 e o bicampeonato está mais próximo que nunca

O torcedor do Palmeiras não tem muito do que se queixar no que diz respeito ao comprometimento do clube com as competições internacionais. Como todos sabemos, o futebol é formado e influenciado por diversos fatores, inúmeros eu diria, principalmente porque são 11 jogadores em campo, mais substitutos, e nunca podemos saber exatamente o que esperar. Sendo assim, os resultados como o campeonato mundial são apenas uma questão de tempo para que cheguem para o verdão.

Primeiro passo: vencer o Palmeiras x Flamengo nessa final eletrizante que está por vir. A data ainda está sendo definida, mas tudo indica que será no dia 27 de novembro, e, portanto, é pouco mais de um mês de espera para o torcedor poder desafogar o grito de gol e É CAMPEÃO da garganta.